Há um guia disponível?

Dansk, Nederlands, Suomeksi, Portuguesa
User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Thu Mar 24, 2016 1:14 pm

Há alguma coisa de eu (eu = eu entidade, eu pessoa, eu ser separado do resto) nesse EU Sou?
Se em vez de EU Sou pensasses que a vida é, ou a experiência é, fazia alguma diferença?

Abraço

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Thu Mar 24, 2016 3:51 pm

Não faz diferença.. Mas eu acredito que o Eu sou é só uma forma de voltarmos para dentro e reconhecer aquilo. usando ele fica mais simples.. mais já ficou esclarecido !!! obrigado !! gostaria de perguntar sobre o observador. existe algum observador dentro do corpo ou seria outra ilusão ? Abraços !!!
gf

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Fri Mar 25, 2016 4:37 pm

Aos poucos que vejo que não existe um eu. fico meio perdido. não estou conseguindo me posicionar. O ponto de referencia se perdeu.
gf

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Fri Mar 25, 2016 7:59 pm

O que é que pensas que o observador é?
Aos poucos que vejo que não existe um eu. fico meio perdido. não estou conseguindo me posicionar. O ponto de referencia se perdeu.
Ui. Devo preocupar-me contigo? Como é que estão as coisas na tua vida? Há alguma coisa de estranho a acontecer? O que é que queres dizer com "fico meio perdido"?

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Thu Mar 31, 2016 10:42 am

Está conversa está a continuar por e-mail.

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Thu Apr 07, 2016 12:31 pm

Copiado do mail:

Canfora:
Olá, bom dia!
Este foi o meu último post no forum:
O que é que pensas que o observador é?
Dolano S. wrote:Aos poucos que vejo que não existe um eu. fico meio perdido. não estou conseguindo me posicionar. O ponto de referencia se perdeu.

Ui. Devo preocupar-me contigo? Como é que estão as coisas na tua vida? Há alguma coisa de estranho a acontecer? O que é que queres dizer com "fico meio perdido"?
Como é que vão as coisas?

***

Dolano:
Olá Bom dia !! me parece que existe um observador dentro corpo . um observador que observo o mundo. existe esse observador ou será outra ilusão ?

***

Canfora:
Onde é que sentes este observador?

***

Dolano:
É.. Realmente em lugar nenhum. Não consigo achar em lugar nenhum.

***

Canfora:
Como é ver que não é possível encontrar um eu?
Mudou alguma coisa na tua vida, desde que começámos a falar sobre isto?

***

Dolano:
Olha mudou muito ! me sinto mais tranquilo, leve, vazio. apenas uma paz. Antes sentia o corpo muito pesado. Sólido ! agora sinto apenas vazio.

***

Canfora:
Viva!
Olha mudou muito ! me sinto mais tranquilo, leve, vazio. apenas uma paz. Antes sentia o corpo muito pesado. Sólido ! agora sinto apenas vazio.
Eu tenho a impressão que tu sabes ver que não existe um eu.
Mas também tenho a impressão que tu pensas que esse ver é igual a sentires essa tranquilidade, leveza, vazio e paz de que falas?

E se acontecer qualquer coisa que não seja agradável, qualquer coisa de menos bom: uma discussão, uma doença, um mal estar, uma dúvida, uma tristeza...

Será que ficarias a pensar que afinal não viste que o eu é uma ilusão? Que se está a acontecer uma experiência negativa é porque existe um eu?

Resumindo, pensas que um estado de espírito bom, um bem-estar é a prova de que vês a ilusão ou este ver inclui a totalidade de tudo o que te acontece, o bom e o mau?

Abraço!

***

Dolano:
E se acontecer qualquer coisa que não seja agradável, qualquer coisa de menos bom: uma discussão, uma doença, um mal estar, uma dúvida, uma tristeza

Será que ficarias a pensar que afinal não viste que o eu é uma ilusão? Que se está a acontecer uma experiência negativa é porque existe um eu?
Então.. vou lhe contar uma experiência... As vezes quando estou tranquilo, em paz, calmo, a ilusão do eu é mais fácil de ser sentida.. mas quando faço alguma esforço ou exercício.. quando estou trabalhando.. parece que o eu está ali.. Eu não consigo sentir a leveza.. o corpo fica pesado, consolidado.. não consigo senti que estou além dos limites do corpo.. parece que realmente eu sou o corpo. Queria que me explicasse se isso é normal ? porque que quando estou trabalhando, ou fazendo os exercício que esfoça muito, vem a sensação limitada de ser o corpo ? Obrigado !

***

Canfora:
porque que quando estou trabalhando, ou fazendo os exercício que esfoça muito, vem a sensação limitada de ser o corpo ?
Muito provavelmente essa sensação acontece porque te estás a focar numa experiência que envolve o corpo. E também porque os pensamentos são sobre o eu que está a viver essa experiência.

Ver que não existe um eu não faz com que esta experiência que está a acontecer aqui e agora seja só de um determinada forma - boa, espiritual, leve, etc. Esta experiência de viver inclui a experiência de tudo o que acontece - incluíndo pensarmos e sentirmos que somos um eu.
Quando sentes que és um eu - isso prova que és um eu? É possível encontrar uma entidade que vive esta experiência?
Abraço!

***

Dolano:
Quando sentes que és um eu - isso prova que és um eu? É possível encontrar uma entidade que vive esta experiência?
Não. não prova nada. Não é possível encontrar a entidade que vive essa experiência. Me parece que é apenas sensações.

***

Dolano:
O corpo existe ou é outra ilusão ? tipo quando estou dormindo não tenho experiência do corpo.

***

Canfora:
Ah, depende da forma como pensas no corpo.
Na prática existe. É possível encontrar um corpo usando os sentidos.
Mas saber o que é?
Depende da tua forma de pensar sobre o assunto. Há quem diga que o corpo é feito de atomos ou energia ou matéria.... mas não me parece que exista uma resposta que seja a certa. Só ideias sobre o que o corpo é ou não é.
Mas entender o que as coisas são ou não são é outro tipo de inquérito.
Tens alguma dúvida em relação a um eu ser uma ilusão?

***

Dolano:
Não. Está esclarecido sobre o eu. Obrigado !!!

***

Dolano:
Queria conversa com vc sobre reencarnação. Alguns Mestres dizem que existe, ou dizem que não. Queria saber sua opnião ?

***

Canfora:
Eu gostava muito que existisse algo como a reencarnação. Há pessoas na net que dizem que existe e eu confio nelas (budistas, espiritualistas, pessoas que passaram por experiências fora do normal), mas acho que só quando se passa por algo é que se pode saber se existe ou não e o que é! Por isso, acho que a minha resposta é não sei, Izac, porque não me lembro de ter vivido outras vidas semelhantes a esta, mas penso que é possível que a vida como a conhecemos ou como algo muito diferente disto não tenha fim e que, da mesma forma que vivemos esta vida, poderemos vir a viver outras vidas.
Ainda não consegues fazer posts no forum? Se não tens dúvidas sobre o eu ser uma ilusão eu gostava que entrasses para os grupos da LU. O que quer dizer que eu tinha de copiar esta conversa para o forum e outros guias iam ler o que escrevemos e ver se tudo está claro ou se têm mais perguntas a colocar-te. É raro haver conversas em Português nos grupos da LU no Facebook, mas há cada vez mais pessoas no grupo que falam português e eu penso que pode haver uma altura em conversemos uns com os outros sobre estes assuntos. O que achas?

***

Dolano:
Sim.. obrigado !! vou ver se consigo entrar nele,, não tentei depois daquele dia.

***

Dolano:
Mais tipo.. se existe só a unidade.. uma coisa só.. o que reencanaria ?

***

Canfora:
Pois... é por isso que eu digo que não sei se há ou não reencarnação!

***

Dolano:
Olha.. não conseguir entrar no forum. infelizmente ! Não sei nem o que fazer pois nem tem opção para poder resolver a situação.

***

Canfora:
Estás de acordo em eu copiar esta conversa para o forum (as partes que interessam), mudando só o teu nome?

***

Dolano:
Sim. Ok! Só mudar meu nome.

***

Canfora:
Dolano, bom dia, vou fazer isso hoje. Entretanto vai respondendo, se faz favor, a estas perguntas.

Não precisas de responder a todas no mesmo dia.

Tu escreves pouco e eu penso que responderes a estas perguntas pode ser bom, porque te faz explorar um pouco mais este assunto:

Tenta escrever o máximo que conseguires sobre a tua experiência.

1. Existe uma entidade separada, um "eu", em algum lado, de qualquer maneira, formato ou forma? Houve alguma vez?

2. Explica em detalhe o que é a ilusão do eu separado, quando começou e como funciona, a partir de tua própria experiência. Descrevê-a totalmente como a vês agora.

3. Qual é a sensação de ver isso? Qual é a diferença de antes de começar este diálogo? O que mudou nestes últimos dias?

4) O que é que te empurrou, te fez olhar?

5) Descreve a decisão, a intenção, o livre arbítrio, a escolha e controle. O que faz as coisas acontecerem? Como isso funciona? És responsável pelo quê? Dá exemplos da tua experiência.

6) Tens alguma coisa a acrescentar?

Abraço!

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Thu Apr 07, 2016 2:43 pm

Copiado do mail:

1. Existe uma entidade separada, um "eu", em algum lado, de qualquer maneira, formato ou forma? Houve alguma vez?

Olha depois que começamos a investigar eu vir realmente que não existe uma entidade. Apenas pensamentos sobre separação. Pensamentos que afirma haver algo separado. Mesmo porque não tenho controle sobre qualquer situação.

2. Explica em detalhe o que é a ilusão do eu separado, quando começou e como funciona, a partir de tua própria experiência. Descrevê-a totalmente como a vês agora.

A ilusão é acreditar que existe um eu dentro do corpo. Que reivindica como dono desse corpo, que controla sua vida. Que consequentemente ver outros corpos separados e acreditar também que esses corpos são um eu separado vivendo sua vida. Mais agora vejo que não existe um eu, e que corpos são apenas aparência. Que esses corpos que anteriormente denominamos como entidade separada, não são separados do ambiente, e que eles não podem ter vida própria separado. Porque se dissermos que eu tenho vida, então eu seria uma entidade não vida, que tem uma vida ? E que meu ambiente é também um não vida ? errado . Só a vida.!

3. Qual é a sensação de ver isso? Qual é a diferença de antes de começar este diálogo? O que mudou nestes últimos dias?

Sensação muuito libertadora . ver que que eu sou tudo e que nada não sou eu. é indescritível. Antes estava olhando muito para fora, e acreditava que era um eu olhando um mundo. um observador dentro do corpo, olhando um suposto mundo. E que esse mundo era um não-eu. Muito confusão que havia. Agora tudo sou eu. ou nada sou eu. Todas as distinções desapareceu.

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Fri Apr 15, 2016 9:48 am

Copiado do mail:

Canfora: Ah, obrigada, gostei muito de ler essas respostas!

***

Dolano: Oi.. queria te perguntar.. O pensamento "eu sou o corpo" é um ilusão ? sempre que eu olho para o corpo vem essa ideia "eu sou o corpo".

As vezes me deixa confuso.. eu sei que não existe um eu dentro do corpo. Mais se não existe um eu, quem é esse que olha para corpo e acredita ser o corpo ? ele é um "eu" ? que relação essa coisa tem com o corpo ?

***

Canfora: Olá Dolano!
Oi.. queria te perguntar.. O pensamento "eu sou o corpo" é um ilusão ? sempre que eu olho para o corpo vem essa ideia "eu sou o corpo".

Mais se não existe um eu, quem é esse que olha para corpo e acredita ser o corpo ? ele é um "eu" ? que relação essa coisa tem com o corpo ?
Ui, que perguntas difíceis :) Vamos lá explorar essas ideias.

Porque é que dizes que há uma espécie de eu que olha e acredita ser o corpo? O que é este eu?

E porque é que dizes que esse eu é uma coisa?

***

Dolano: Vc fugiu das minhas perguntas. kkk

Tudo bem... acho que as vezes fico um pouco confuso,.. Acredito que seja tudo pensamentos...

4) O que é que te empurrou, te fez olhar? O que me empurrou foi a investigação do eu , onde ele estaria, em qual parte do corpo. Olha exatamente para esse eu.

5) Descreve a decisão, a intenção, o livre arbítrio, a escolha e controle. O que faz as coisas acontecerem? Como isso funciona? És responsável pelo quê? Dá exemplos da tua experiência. Olha acredito que ninguém tem escolha. tudo acontece. Mais as pessoas tem a sensação e a ilusão que tem controle, e livre arbítrio sobre a vida. Mais são só pensamentos sobre controle. Mas é muito difícil ver isso. Muito dificil essa compreensão. Sempre acreditamos que estamos no controle.

6) Tens alguma coisa a acrescentar? No.

***

Canfora: Vamos falar um bocadinho sobre escolhas e controle?
Estas ideias de que escolhemos e controlamos implicam a existência de um eu que escolhe e controla.
Esse eu tu já viste que não existe. Assim sendo, como é que uma escolha acontece? Como é que acontece escolher o que comer ao almoço, por exemplo?

O control e as decisões podem ser visto como processos que acontecem. Exemplo: eu posso pensar que vou agarrar numa garrafa de água e beber água e também posso pensar que tenho controle sobre os movimentos do corpo e que beber água ou não é uma decisão minha. Mas eu não bebia água da garrafa se o corpo não sentisse sede e se não existisse algures um fabricante de garrafas de água, uma loja onde se pode comprar garrafas, etc.... A minha decisão e o meu aparente controlo dependem de uma série de coisas que eu não controlo de todo, uma série de acontecimentos que estão interligados.

E não me ocorre dizer mais nada. Quais são os teus pensamentos sobre isto??

***

Dolano:
Entendi.. boa sua explicação.. mas acredito que existe escolha,mais é uma escolha limitada. tipo eu sinto sede agora.. eu posso escolher não tomar agua agora.. mais depois. Isso é uma escolha entende ?

***

Canfora: Entendo. Mas se tu não pensares que o que está a acontecer é uma escolha... é uma escolha?
O que é que faz com que uma escolha seja uma escolha, se não há um eu a escolher?
E não estou a dizer que escolhas não acontecem. Eu posso escolher entre um café com uma bolacha ou um café sem uma bolacha.
Mas não te parece que só falamos em escolhas porque não reparamos como as coisas não podiam acontecer de forma diferente da que acontece?
Exemplo: está a chuver. o que me faz pensar que tenho de levar o chapéu de chuva comigo quando me for embora. Mas entre aquilo que eu penso agora e aquilo que realmente vai acontecer, pode haver uma grande diferença. Só vou saber o que realmente acontece, quando acontecer - independentemente da história que os pensamentos inventam. Eu posso dar comigo a sair com o guarda chuva ou não, mas essa escolha depende de uma série de fatores. E também me acontece pensar uma coisa e fazer outra. Se não há um eu a pensar ou controlar os pensamentos, uma escolha feita por ti, é mais do que um pensamento?

***

Dolano: Realmente é verdade o que você diz. existem fatores que nos fazem acreditar que existem escolhas. tipo nós pensamos que escolhemos, mas ninguém escolhe nascer pobre e sofrer. quem escolhe sofrer ? ninguém. e mesmo assim sofremos temos problemas.

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Fri Apr 15, 2016 2:21 pm

Dolano, bom dia! Outro guia sugere que faças estes exercícios e respondas a estas questões:

Durante o próximo dia, observe de onde provém as escolhas que faz.

1) Por exemplo, peça para alguém espalhar alguns objetos sobre uma mesa sem que você estaja vendo e depois entre no ambiente, vá até a mesa e escolha um dos objetos para pegar.

2) Quando for servir-se na refeição, observe o que faz você escolher a comida e a quantidade de cada uma que coloca em seu prato.

3) Quando entra em um ambiente, o que faz você direcionar sua atenção para um determinado ponto, antes mesmo de ter olhado o que há naquela direção?

Veja se consegue identificar quais foram os exato momentos em que as escolhas se deram. Descreva como as escolhas acontecem. Existe honestamente um "eu" que escolhe?

Que esclarecimento ou surpresa essas experiências lhe trazem?

****

Sobre o "eu" como o corpo:

Feche os olhos e procure VER aonde estão os seus limites. Em outras palavras, em que ponto do espaço você termina e começa o resto do mundo?

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Fri Apr 15, 2016 11:21 pm

Oi
gf

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Fri Apr 15, 2016 11:22 pm

Boa noite !! Que bom , conseguir entrar novamente no forum. Viva !! Rsrsrs
gf

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Sat Apr 16, 2016 1:50 pm

Ainda bem :)
Viste os exercícios e as perguntas no meu último post?

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Sat Apr 16, 2016 3:50 pm

Vi sim. Eu fiz os exercícios.
gf

User avatar
Dolano S.
Posts: 34
Joined: Mon Mar 07, 2016 11:53 am

Re: Há um guia disponível?

Postby Dolano S. » Sat Apr 16, 2016 3:53 pm

Vi sim. Eu fiz os exercícios.
gf

User avatar
Canfora
Posts: 3812
Joined: Wed May 22, 2013 2:58 pm

Re: Há um guia disponível?

Postby Canfora » Sat Apr 16, 2016 8:04 pm

E então, como é que correu?


Return to “Other Languages”

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest